Início / Notícias / Cidade / 11º Porco Paraguaio é domingo

11º Porco Paraguaio é domingo

No domingo, 23, acontece a 11º edição do Porco Paraguaio, a partir das 12h, no Lar São Vicente de Paulo. São esperadas mais de 500 pessoas para degustarem uma verdadeira especiaria da culinária latino-americana que tem se firmado como um dos mais tradicionais eventos e de maior sucesso no município, e que ainda conta com música de primeira qualidade com a dupla Dennis e Fabiano.

Os rotarianos promotores do evento prometem que o 11º Porco Paraguaio deverá se estender para além das 15h. Os convidados serão servidos apenas no local do evento. Os convites já se encontram à venda, ao valor de R$ 35 por adulto, em poder dos sócios do Rotary Terra da Saudade ou nos seguintes locais de venda: Jô-Pé Calçados, Tazu Calçados, Modelli Planejados, Manga Rosa e na Estação da Quinze. Para crianças de 7 a 12 anos, os mesmos estão à disposição dos interessados à R$ 20.

Os sócios do Rotary usam tijolos cerâmicos para montar a churrasqueira que assa a carne no estilo “bafo”. Essa maneira de assar os leitões evita que o carvão tenha contato direto com o ar, assim o porco é assado de forma lenta, deixando a carne muito macia e suculenta, com um sabor impressionante.

A coordenação geral do evento destaca que, “como nos anos anteriores, serão preparados cinco animais de 70 kg cada. Quanto ao preparo, o tempero deve ser injetado na carne, 15 horas antes. A acidez do vinagre de limão combinada com a leveza do vinho branco e das ervas finas utilizadas tiram o gosto forte que geralmente encontramos quando se assa um leitão inteiro. Após, os mesmos são levados inteiros e abertos à churrasqueira, presos por uma grande grelha feita especialmente para a ocasião. Os leitões são assados de um lado, depois, virados ao contrário por várias horas sobre o braseiro, em um processo utilizado para dourar o couro do porco – ficando assim, pururucado ao final, até chegar ao ponto de ser servido. Trata-se de um almoço, onde o porco é desossado por inteiro, e servido com muita qualidade e ótimo nível nutricional com um delicioso acompanhamento tradicional.”

Um pouco da história… O prato surgiu na guerra do Paraguai, em 1864, quando as tropas de Solano Lopes invadiram o Brasil. A receita foi adaptada ao gosto dos sulistas de origem alemã e italiana que colonizaram a região. As famílias usavam temperos fortes, além de sal e limão, os dois únicos ingredientes ainda hoje adotados pelos assadores mais conservadores. Aos poucos a receita foi levada por gaúchos, catarinenses e paranaenses para outros estados do Brasil. Além de toda Família Rotária, voluntários também estarão envolvidas na realização do almoço este ano.

Os rotarianos fazem o convite de participação do evento à toda a população da cidade, lembrando que a cada ano, o Porco Paraguaio capta recursos para atendimento a projetos de prestação de serviços comunitários do clube (Intercâmbio Internacional de Jovens, Interact Club e Programa Ryla, dentre outros) e de entidades que sempre foram beneficiadas após evento, como o próprio Lar São Vicente de Paulo.

“Venha participar de um domingo agradável conosco, com a família e os amigos, além de apreciar esse cardápio tão gostoso”, ressalta Joemir Pinotti, presidente do Rotary Club Matão – Terra da Saudade.

A venda de convites é limitada. Informações:99714-0265, 99794 – 6105, 99781 – 1618 e 3382 – 3800.

 

(Renata Bottura)

Veja Também

Em sessão tumultuada Câmara aprova lei das PPPs

Pela segunda semana consecutiva a Câmara Municipal teve a sessão de segunda, 16, tumultuada. O …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *