Início / Notícias / Cidade / Ponte do Turvo está em fase final
Ponte de acesso ao distrito de São Lourenço do Turvo na vicinal ‘Dr. Laerte José Tarallo Mendes’ (Assessoria de Imprensa)

Ponte do Turvo está em fase final

Para conclusão da obra, restam apenas asfalto e acabamentos

Após a construção da pista em concreto armado na ponte de acesso ao distrito de São Lourenço do Turvo na vicinal ‘Dr. Laerte José Tarallo Mendes’, agora, a empresa Guerra Construção & Infraestrutura Urbana, responsável pela obra, está aguardando a compactação do concreto para, em seguida, asfaltar e concluir com a fase de acabamentos. Lembrando que as verbas federais destinadas às obras de finalização da ponte de São Lourenço do Turvo e início da ponte do bairro São José somam o valor de R$861.122,85. Só que nesta primeira fase foram feitos apenas os serviços na ponte do Turvo. O prefeito Edinardo Esquetini já determinou à empresa Guerra que, após a finalização desta obra, seja iniciada a reconstrução da ponte do São José.
A estrutura da ponte de São Lourenço do Turvo havia sido danificada após o período de chuvas que ocorreram na cidade há aproximadamente 3 anos. Depois do incidente teve parte de sua estrutura improvisada com madeira de eucalipto. Então, na ocasião, viu-se a oportunidade de recuperar a ponte já que a Prefeitura de Matão tinha a verba disponível, só que era necessário realizar todo o procedimento para liberação destas verbas, assim como realizar a burocracia e a contratação. Na primeira semana de junho deste ano, a empresa responsável já estava com as máquinas preparando o local para construção dos gabiões de sustentação e, em seguida, seria construída a pista em concreto armado. Porém, alguns problemas burocráticos impediram a continuidade desta obra.
Para que fosse possível a retomada desta obra foi preciso aguardar a liberação da Defesa Civil Federal depois de analisados os documentos que foram encaminhados tanto pela Prefeitura quanto pela empresa responsável por executar a obra. Em seguida, o prefeito Edinardo Esquetini assinou a ordem de serviço autorizando o início dos trabalhos de reconstrução da cabeceira da ponte do Turvo que foram realizados por meio de verbas federais. E, para solicitar agilidade na liberação da ordem de serviço que foi assinada, Esquetini precisou ir a Brasília na primeira semana do mês de outubro para que a assinatura fosse autorizada.
O Executivo precisou realizar um trabalho árduo para concretização das verbas do governo federal para retomada das obras na ponte de São Lourenço do Turvo e do São José. A Prefeitura de Matão precisou acertar todas as planilhas e toda burocracia exigidas para realizar o convênio. Após isso, o prefeito Edinardo Esquetini foi até Brasília e conseguiu adiantar 95% das problemáticas, resolvendo estas questões. Então, quando Esquetini retornou a Matão, formou-se um mutirão para entregar toda documentação restante e necessária. Por fim, quando finalizou os serviços solicitados ao Executivo, o prefeito ligou em Brasília para os responsáveis (Daniel e Rosilene) que disseram estar tudo planilhado e resolvido para que a empresa continuasse a obra.

• Assessoria de Imprensa

Veja Também

Orquestra Jovem de Matão realiza audição neste sábado

Apresentação será na Casa da Cultura com propósito de selecionar novos integrantes  Neste sábado (26), …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *