Início / Notícias / Cidade / Prefeitura instala equipamentos de tele-eletrocardiograma em UBS

Prefeitura instala equipamentos de tele-eletrocardiograma em UBS

Novos equipamentos de tele-eletrocardiograma (tele-ECG) foram instalados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do IV Centenário e São Lourenço do Turvo. A Prefeitura de Matão, através da Secretaria de Saúde, firmou convênio com o Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia (São Paulo) para implantação dos aparelhos que auxiliarão na ampliação dos serviços oferecidos à população. O objetivo é garantir o acesso ao exame no menor tempo possível e com maior facilidade para que os pacientes não se desloquem para locais afastados da cidade ou outros municípios. A estimativa de avaliações dos pacientes é de 50 a 100 por dia, que devem ser realizadas por técnicos e interpretadas por médicos, por meio de 220 laudos por mês nos dois equipamentos, totalizando 440.

Após a realização do exame, a análise é enviada online à Central de Plantão Cardiológica no hospital da capital paulista, que funciona 24 horas. A análise leva, em média, 15 minutos. Caso apresente algum problema, é feito o encaminhamento ao profissional da rede básica de saúde para acompanhar o paciente. Os aparelhos são locados em contrato por um ano, adquiridos por processo licitatório, sendo qualquer defeito ou manutenção de responsabilidade do Instituto Dante Pazzanese, assim como a aquisição dos materiais e outros utensílios utilizados durante os exames. O tele-ECG permite a avaliação elétrica da atividade cardíaca registrada em gráficos que indicam o estado de normalidade ou de alteração dos músculos e nervos do coração.

Segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde, o equipamento é composto de um eletrocardiógrafo (aparelho que realiza o eletrocardiograma) acoplado a um teclado especial, ao qual está embutido um sistema GSM (utilizado em celulares). Os sinais captados do paciente pelo eletrocardiógrafo são transferidos para esse teclado, onde também podem ser inseridas informações como nome, idade e medicação em uso. O dispositivo transforma todas essas informações em gráficos, de forma a serem transmitidas pelo sistema de celular.

Ao chegar ao servidor, a informação é decodificada, ao mesmo tempo em que se cria um banco de dados do paciente. Assim, quando as informações entram na rede do Instituto, os médicos cardiologistas autorizados acessam o exame enviado via internet, interpretam os traçados e encaminham os resultados ao local de origem. Apesar de ser de execução simples, o exame é importante na cardiologia, pois pode diagnosticar condições graves, como os infartos, crescimento de cavidades cardíaca, patologias coronarianas, arritmias, entre outros.

João Guimarães Junqueira Neto, secretário de Saúde, explica que os exames auxiliam no trabalho dentro das UBS, diminuindo a espera e com um diagnóstico mais eficaz e concreto. Já o prefeito Esquetini destacou que os investimentos nestes aparelhos beneficiam toda população por melhorar o atendimento médico, garantindo o acesso dos pacientes aos serviços ofertados pela rede. “Temos um trabalho que prevê grande avanço durante os quatro anos e um dos pontos é o tele-ECG, que agilizará todo processo para este exame, aumentando a rapidez e eficiência no diagnóstico de possíveis problemas dos pacientes”, finaliza.

 

(AIP)

Veja Também

Aluno do IFSP conquista medalha em Olimpíada de Química

O matonense Fernando Henrique Rincão, aluno do 2° Ano do Curso Técnico Integrado ao Ensino …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *