Início / Notícias / Esportes / Tênis feminino de Matão fez excelente atuação nos Jogos Regionais

Tênis feminino de Matão fez excelente atuação nos Jogos Regionais

O tênis feminino de Matão, categoria livre, venceu todas as partidas dos Jogos Regionais, conquistando, além da medalha de ouro, o troféu de campeão da 62ª edição do evento.

Foram três disputas: a primeira contra Sertãozinho, 2 sets a 0; a segunda contra Santa Rosa de Viterbo, 2 sets a 0; e a terceira contra Araraquara, 2 sets a 1.

Os jogos aconteceram nos dias 25, 26 e 27 de julho, na Sorema. O técnico, Oscar Carvalho, afirma que as tenistas que representaram Matão na competição são Julia Cirino, de 22 anos, e Raquel Generoso, 18, ambas moradoras de Araraquara.
Segundo o técnico, Natalia Garcia, 29, e Giovana Cavichia, 29, residentes em Matão, fazem parte da equipe, mas não jogaram porque estavam machucadas.

“Sou treinador da Natalia e da Giovana e já fui treinador da Julia, que começou a treinar comigo quando tinha 10 ou 11 anos. A Julia é como se fosse minha filha e por isso sempre me ajuda quando preciso dela. A Raquel é amiga da Julia e quis participar para colaborar com Matão, que é uma cidade muito acolhedora e tem uma escolinha funcionando. As tenistas, que são minhas amigas, fazem questão de jogar para mim”, explica Oscar.

No jogo contra Sertãozinho, Julia jogou uma partida e venceu. A outra partida foi disputada por Raquel que também venceu, resultando no placar 2 a 0. Contra Santa Rosa de Viterbo foi a mesma coisa. No desafio contra Araraquara, Julia perdeu o primeiro jogo, Raquel venceu o segundo e as duas juntas jogaram o terceiro set e venceram, resultando no placar 2 a 1.
O técnico explica que Araraquara venceu o primeiro set por 6 a 2. “Eu falei para as meninas terem garra e lutarem até o fim, pedi para darem boladas nas adversárias e fazerem elas cansarem porque elas eram mais velhas. O resultado foi a vitória. Cheguei a chorar no fim. As meninas tiveram garra e se dedicaram muito para ganhar essa competição”, afirma.

Com uma experiência de 35 anos como treinador, Oscar foi instrutor da Confederação Brasileira de Tênis e das Federações Catarinense e Paulista da modalidade. “A Julia parou de disputar torneios de tênis e está se dedicando totalmente ao beach tênis, sendo a melhor jogadora do Brasil da idade dela. Uma vez por mês trago ela para Matão para jogar com as minhas alunas da escolinha com o objetivo de motivá-las. E a Raquel atualmente joga torneios em Araraquara”, conclui Oscar.

 

  • Natali Galvão

Veja Também

Detran.SP orienta imigrantes e refugiados como tirar a CNH

Candidatos precisam ser habilitados no país de origem; no Estado de SP, portugueses lideram ‘ranking’ …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *